Investidores querem transformar lixo em energia no município de Biguaçu

Na manhã desta terça feira (04/04) o prefeito Ramon Wollinger recebeu no gabinete um grupo de investidores que tem interesse em instalar no município uma Unidade de Valorização Energética de Resíduos Sólidos (UVER).

 

Segundo Rubens de Paula, diretor presidente da Kogenergy do Brasil Ltda, a implantação desse modelo de usina traz benefícios na área econômica e principalmente ambiental, uma vez que a produção de energia é feita a partir do lixo produzido na cidade.

 

O processo de geração de energia pode ser realizado através de queima, gaseificação ou pirólise (transformação por aquecimento de uma mistura ou de um composto orgânico em outras substâncias). Quase 100% do lixo é transformado em energia e o restante é transformado em cinzas que podem ser usadas na manutenção de estradas ou produção de cimento.

 

Durante a reunião, o secretário Municipal de Administração, Daniel César Luz, destacou a importância do projeto que é inédito no Brasil e solicitou informações mais detalhadas aos investidores, tais como o funcionamento da Usina, o Estudo de Impacto Ambiental e o retorno financeiro a mesma trará ao município de Biguaçu.

 

Marcelo Malavota, diretor do Nazca Group, salientou que a UVER, além de beneficiar Biguaçu, poderá ajudar outros municípios na questão ambiental e financeira, pois o custo para destinação do lixo seria bem menor que o valor pago atualmente.

 

Uma possibilidade que será estudada é a criação de um consórcio entre os municípios da Grande Florianópolis, uma vez que para o funcionamento da Unidade são necessários aproximadamente 350 toneladas de lixo por dia.

 

A energia produzida poderá ser usada em escolas, creches, postos de saúde e secretarias do município de Biguaçu.

 

O prefeito Ramon Wollinger disse que o município não medirá esforços para implantação da usina e que entrará em contato com os Prefeitos da região para estudarem em conjunto a proposta dos investidores.

 

Também participaram da reunião a superintendente da Fundação Municipal de Meio Ambiente de Biguaçu (FAMABI), Andréa Felipe e o diretor de Engenharia da Kogenergy do Brasil Ltda, Ruchio Geonho Kim.

 

Fonte: Portal Cidadão da PMB.

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments