POPULAÇÃO DE BIGUAÇU PROTESTA CONTRA PREÇO DE VACINA DA GRIPE A

POPULAÇÃO DE BIGUAÇU PROTESTA CONTRA PREÇO DE VACINA DA GRIPE A

Santa Catarina já registrou 309 casos de infecção por gripe A, com 29 mortes. Na cidade de Biguaçu já foi registrada uma morte. Blumenau é o município do estado com o maior número de casos, 38, até o momento, seguido por Fraiburgo com 22 casos e Itajaí com 19. Florianópolis tem nove casos registrados e a preocupação aumenta tanto na capital, como nos municípios vizinhos. Na última terça-feira (19/06), a Escola Estadual Altamiro Guimarães, localizada em Antônio Carlos chamou uma clínica particular para vacinar alunos e professores no local, por apenas 30 reais. A notícia acabou se espalhando e uma longa fila se formou no local. A preocupação aumentou na cidade após a morte de um morador.  Enquanto a cidade vizinha se previne, os moradores de Biguaçu clamam por vacina também. Diversos leitores do JBFoco entraram em contato para pedir que o mesmo processo feito em Antônio Carlos acontecesse em Biguaçu, ou seja, a população quer uma vacina mais barata, para que todos tenham acesso e possam se prevenir contra a doença. “Estou nesta campanha, precisamos vacinar o povo de nossa região”, disse Conceição, da papelaria com o mesmo nome em Biguaçu.

O pedido do povo de Biguaçu, no entanto, está prestes a ser atendido. O Centro Educacional Conhecimento através de uma parceria com a Clínica Imunizar entra na campanha contra a Gripe A, realizando a segunda etapa da vacinação neste sábado (23/06), na sede da escola situada à rua João M. Rodrigues, nº 189, na Praia João Rosa. A vacinação será oferecida por um preço bem acessível, das 9h às 17h.

Para saber mais entre em contato pelo telefone: 3243-4108.

A Rádio Biguaçu FM e o Jornal Biguaçu em Foco também apoiam a ação.

Entre nesta campanha: Biguaçu contra a gripe A.

Leia mais em www.jbfoco.com.br

Comentários

Comentários

Powered by Facebook Comments